O Dilema das Redes Sociais

documentario netflix o dilema das redes sociais

O novo documentário da Netflix, “The Social Dilemma” chegou causando furor na galera. 

Eu, particularmente, fui surpreendida nos grupos de WhatsApp, principalmente nos grupos de “mães” com mensagens do tipo: apaguei todas as minhas redes sociais, não deixo mais meus filhos usarem o celular, estão “roubando” todas as minhas informações…. e por aí vai. 

Meu primeiro reflexo com a notícia foi: mas você apagou o seu Facebook e está usando o Whatsapp pra comunicar isso? E como não fui compreendida continuei… onde mesmo que você assistiu este documentário? Enfim, a hipocrisia. 

O fato é que pra gente que trabalha com as redes sociais, o documentário não traz muitas novidades… mas como também vivemos o dilema de trabalhar com as redes sociais, demorei pra conseguir assistir… afinal, temos campanhas de final de ano, black friday e as reclamações nas redes dos clientes que cismam em aparecer nos finais de semana. 

Mas não podemos negar que a discussão é válida e extremamente benéfica para a sociedade como um todo.  

O Dilema das Redes Sociais 1
O Dilema das Redes Sociais / Netflix

“De acordo com Jeff Seibert, que trabalhou no Twitter, “cada ação que você realiza é cuidadosamente monitorada e registrada”. Desde as imagens que curtimos até quanto tempo olhamos para elas. A partir dessas informações, desenvolve-se o “capitalismo da vigilância”.

Com os algoritmos e a inteligência artificial, as plataformas têm, hoje, mais informação sobre nós do que jamais se imaginou na história humana (às vezes até mais do que nós mesmos!). “ 

Passado o choque de tantas informações se tornarem públicas, fica interessante analisar como as redes sociais reagiram. 

O documentário foi lançado no dia 09 de setembro. Mas o pico de buscas no Google aconteceu 11 dias depois, no dia 20/09. O número de buscas sobre o assunto teve um aumento de 200% neste dia. 

Coincidência ou não, as buscas por “excluir Facebook” teve um aumento de 250% desde o dia do lançamento do documentário. 

No Instagram as buscas sobre como excluir o perfil teve um aumento de 100% e o desativar temporariamente de 120%. 

No Twitter a galera xingou muito mas, 56% disse não ter a intenção de reduzir o uso. 

O fato é, que se você analisar friamente, fica praticamente impossível fugir destas big techs. Afinal, você pode até apagar o seu perfil no Facebook…mas conseguiria apagar todos os apps que você usa? Consegue ficar o resto da vida sem o Waze? Sem fazer compras online? Sem acessar sites de notícias? 

É justamente isto que faz com que o documentário seja interessante e o debate importante. 

Como fazer bom uso da tecnologia? 

Porque viver sem, meu amigo, acho bem difícil. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *